Tudo Sobre PANCs – Plantas Alimentícias Não Convencionais

Tudo Sobre PANCs – Plantas Alimentícias Não Convencionais
5 (100%) 1 vote[s]

Você sabia que existem algumas plantas que podem servir de alimento para nós, mas que não são utilizadas por falta de conhecimento ou serem difíceis de encontrar? Ora pro nobis por exemplo é uma delas! Elas são chamadas de plantas PANCs – Plantas Alimentícias Não Convencionais.

Como costumam crescer com as plantas que são cultivadas muitas vezes elas são consideradas ervas daninhas, mato ou até plantas invasoras. Por isso, são jogadas fora sem dó nem piedade. Mas você não imagina o quanto de valor nutricional estamos perdendo ao fazer isso.

Antigamente essas plantas eram consumidas, mas com o afastamento da natureza que a vida na cidade proporcionou elas foram esquecidas. Mas uma prova que esse cenário pode ser revertido é a rúcula. Até pouco tempo atrás ela era considerada uma erva daninha e hoje em dia está alimentando milhões de pessoas.

O que são plantas PANCs?

As plantas PANCs muitas vezes são consideradas erva daninha, mato ou plantas invasoras. Elas são encontradas na natureza facilmente, mas nos mercados convencionais não estão presentes. Além do mais, não são utilizadas no cardápio de boa parte da população.

As PANCs vão desde plantas nativas e que são pouco usuais até silvestres ou exóticas. Entretanto, ao contrário que muitas pensam, elas são comestíveis e podem fazer parte do cardápio de qualquer pessoa. Essas plantas podem ser utilizadas na forma de verdura ou fruto ou como óleo amido ou fécula.

Nesse último caso, elas são subaproveitadas como é o caso da bananeira que dá frutos e pode ter seu interior consumido. Há ainda os mangarás que também pode ser utilizados na alimentação. Entretanto, em ambos os casos eles são descartados e todo o valor nutricional que possuem é desperdiçado.

Existem diversas receitas de PANCs que podem fazer parte do nosso dia a dia. A ora pro nobis é muito utilizada em Minas e na região norte e nordeste do Brasil. Por isso, as desculpas devem ser deixadas de lado para que na sua alimentação tenha mais alimentos saudáveis.

Espécies mais conhecidas.

Algumas espécies de plantas PANCs são mais conhecidas e por isso seu consumo já é maior. Mas isso não quer dizer que toda a população está se beneficiando do valor nutricional que possuem. Por isso, é uma boa ideia conhecer algumas das espécies que já fazem parte de algumas receitas.

Moringa oleífera

PANCS

A moringa é bastante cultivada nos quintais da região Nordeste. Ela é comumente utilizada para uso medicinal. Tanto as folhas quanto os frutos jovens, raízes, sementes e flores podem ser consumidas.

Ora pro nobis.

Ora pro nobis

Algumas regiões do estado de Minas Gerais conhecem muito bem o ora pro nobis e utilizam essa planta em receitas saudáveis. Ela é rica em proteínas e possui um valor nutricional alto. Sua digestão é muito boa e seu consumo pode se dar através de sopas, refogada, no feijão ou até mesmo nos recheios dos salgados e tortas.

Além de ter esse nome ela é conhecida por carne de pobre. Quando suas folhas encontram-se secas elas são moídas para que sejam utilizadas para preparar a farinha múltipla. Por sua vez, esta farinha da ora pro nobis nada mais é que um complemento nutricional que tem sido utilizado para combater a desnutrição.

Peixinho.

Peixinho Stachys byzantina

Esta é uma planta ornamental que é comestível e não causa efeito colateral. Sua folha possui muitos pelos e o seu nome se dá por causa do formato que ela possui. Ela também é conhecida por lambari-da-horta e pode ser utilizada no preparo de chás. Mas nada impede de empanar, fritar ou preparar à milanesa suas folhas.

rumo ao centenario

Fruta do milagre.

Fruta do Milagre - Sideroxylon dulcificum

É assim chamada por enganar o paladar de 30 a 120 minutos podendo até ultrapassar esse tempo. Ela faz com que tudo o que é consumido se torne doce e saboroso mesmo que o alimento ou fruta tenha um sabor azedo e ácido.

Essa planta é nativa da África tropical e subtropical, mas chegou ao Brasil em 2008. O consumo dos seus frutos pode ser in-natura, mas eles não possuem um sabor marcante ou especial. Entretanto, quando bem madurinhos, basta chupar 1 ou 2 frutos para que haja a transformação do paladar.

Taioba.

Fruta do Milagre - Sideroxylon dulcificum

A taioba é a planta PANC que mais está difundida. Ela possui uma folha imensa grossa e verde que pode ser refogada e picada da mesma forma que uma couve. Entretanto, suas folhas precisam ser preparadas sempre após cozidas, pois caso sejam consumidas cruas podem dar alergia e pinicar a boca.

Bertalha.

Bertalha - Basella alba

Seu caule e folhas são verdes, suculentos e carnosos e sua aparência é bem parecida com à do espinafre. Possui uma boa quantidade de vitamina A, mas também é uma ótima fonte de cálcio, ferro e vitamina C. Tanto os ramos quanto as folhas novas podem ser consumidas após a colheita.

É uma ótima opção para substituir a couve e o espinafre. Pode ser servida refogada ou em quiches, tortas e omeletes. Seu consumo também pode ser em saladas verdes o que é uma delícia.

Serralha.

Serralha - Sonchus oleraceus

Ótima fonte de vitamina A, D e E. Pode ser servida em saladas e até em receitas cozidas. Quanto ao seu sabor é um tanto amargo e lembra um pouco o do espinafre.

Benefícios das PANCs.

As PANCs são plantas que possuem um valor nutricional muito alto. Elas são ricas em fibras, minerais, proteínas e antioxidantes e por esse motivo muitas delas são usadas para obter saúde pelas plantas. Além do mais, elas são mais resistentes que as plantas domesticadas e por isso não necessitam de agrotóxicos e fertilizantes químicos. A ora pro nobis é um perfeito exemplo, podemos ter em vasos dentro de um apartamento!

Com isso elas podem enriquecer ainda mais a alimentação saudável. Afinal, sem esse tipo de componente e com os nutrientes que elas possuem ter comidas saudáveis e saborosas se torna uma realidade bastante acessível. Diante de tudo isso fica claro que seu consumo faz bem não apenas para a saúde como também para o meio ambiente.

Resumindo…

As plantas PANCs possuem um valor nutricional alto, mas não são tão consumidas por não serem oferecidas nos mercados ou a população as desconhecer. Serralha, taioba, fruta do milagre, peixinho e ora pro nobis são apenas algumas das espécies que podem ser consumidas e a população já possui algum conhecimento.

As informações aqui prestadas foram úteis? Deixe sua opinião e aproveite para compartilhar nossa página nas redes sociais.

Espero que tenha gostado desse artigo. Um abraço, João Vasconcelos.

Descubra Como Cultivar Plantas de Forma Orgânica e Diversificar Sua Alimentação Com Produtos Saudáveis Sem Agrotóxicos

O melhor e mais completo treinamento online do Brasil para aprender a cultivar, domesticar e se beneficiar de Hortaliças orgânicas, Plantas Medicinais e Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC), mesmo em pequenos espaços urbanos.

Plantando Saúde é um treinamento para se praticar Horticultura com um foco em promover saúde e qualidade de vida, cultivando vegetais orgânicos e praticando Paisagismo Produtivo em pequenos espaços.

o curso Plantando Saúde

Trabalharemos os fundamentos científicos da Agroecologia de forma simplificada e objetiva, demonstrando técnicas que você pode replicar na sua própria casa. As videoaulas acompanham artigos científicos e materiais de apoio.

O curso é inteiramente online através de videoaulas e matérias digitais, você pode acompanha-lo no seu desktop, tablet ou smartphone.

Nenhum item físico será enviado para o seu endereço.

fruta do milagre

  • Solos e Formação de Matéria Orgânica
  • Fundamentos em Botânica
  • Fisiologia e nutrição vegetal
  • Princípios de Cultivo Ecológico
  • Introdução ao Projeto Paisagístico
  • Preparo e Manutenção de Jardins Criativos
  • Receitas e usos de plantas
  • Identificação e Cultivo de PANC

o professor Camilo Pedrollo

Camilo Pedrollo
Sou biólogo, empreendedor com mestrado em Botânica no INPA em Manaus. Tenho experiência na área socioambiental tendo ministrado diversos cursos e treinamentos presenciais.“Minha missão é contribuir para preservar o meio ambiente, propagando práticas e conhecimentos que tragam melhorias na saúde e qualidade de vida das pessoas

Veja também esse artigo!

4 Alimentos Que Aceleram o Envelhecimento (Cuidado!)

101

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *