10 Super Alimentos para Reduzir a Pressão Alta!

Selecionar alimentos que ajudam a reduzir a pressão alta é importante para a saúde e para a qualidade de vida.

Sabemos que a pressão alta é conhecida pelo termo “hipertensão arterial” e está relacionada com o estado de nível elevado de pressão arterial. Aliás, no Brasil, nos últimos vinte anos, mais de 30% da população com idade acima de 50 anos apresentou indícios da doença.

A pressão arterial deve ser controlada com a orientação de um médico e, em certos casos, com medicamentos. Além disso, a alimentação pode ser uma grande aliada.

Controlar a pressão alta

Reduzir a pressão alta

Segundo dados do governo brasileiro, metade das pessoas com idade entre 60 e 69 anos apresentam pressão alta. Geralmente, os homens costumam apresentar mais a condição da doença do que as mulheres no país.

A pressão alta apresenta vários sintomas como dores no peito, dor de cabeça, tonturas, zumbido no ouvido e visão turva. A doença é crônica, não tem cura, por isso o tratamento serve para controlar o problema e amenizar os sintomas.

Caso não seja controlada, a hipertensão gera complicações e doenças mais graves como AVC ( acidente vascular cerebral) e arritmia cardíaca.A saber, cada caso deve ser tratado individualmente pelo médico.

Além do uso de medicamentos receitados pelo médico, é necessário que o paciente tenha novos hábitos de vida mantendo o controle do peso.

Realizar prática de atividades físicas, deixar de fumar, diminuir a bebida alcoólica e controlar o diabetes.

Reduzir a pressão alta

A pressão alta deve ser controlada, bem como reduzida com a orientação médica e nutricional.

A redução da pressão ajuda a evitar doenças mais graves e sobretudo a manter a saúde do paciente. Reduzir a pressão alta é importante, e o planejamento de uma alimentação sadia é uma das principais decisões para obter uma melhora na saúde.

Reduzir a pressão alta com alimentação saudável

É muito importante selecionar os alimentos certos para reduzir a pressão alta.

É indicado evitar alimentos gordurosos, evitar o excesso de sal e óleo. É indicado evitar o excesso de sódio na corrente sanguínea atrai água para os vasos sanguíneos.  A alimentação diária de quem sofre de pressão alta deve ser formada por alimentos ricos em potássio, magnésio e cálcio. Além de fontes de proteínas com baixo teor de gordura, grãos integrais e frutas e vegetais.

Leia a seguir a lista de alimentos que ajudam a reduzir a pressão alta, com o propósito de melhorar a qualidade de vida.

1 – Verduras

A inclusão de verduras e folhas escuras equilibra o mineral e sódio no organismo, propiciando que o corpo elimine o excesso de potássio por meio da urina.

As verduras podem ser alface romana, couve, rúcula, nabiças, couve-galega e espinafre.

É bom adicionar verduras frescas ou congelados no lugar dos vegetais enlatados. Comidas enlatadas possuem sódio.

2 – Morango, framboesa e mirtilo

O mirtilo é ótimo para hipertensão, as frutas são ricas em compostos chamados de flavonoides.

O morango e a framboesa possuem fibras e frutose que ajudam na saúde do sangue.

3 – Batatas

A batata é rica em magnésio e potássio, dois nutrientes que ajudam a reduzir a pressão arterial.

A batata também apresenta fibras que auxiliam no digestivo e na saciedade do organismo.

4 – Beterraba

O suco da beterraba é muito indicado para hipertensos.

A beterraba apresenta nitratos que diminuem a pressão arterial em 24 horas.

5 – Leite desnatado

Apresenta alto teor de cálcio e baixos teores de gordura.

O leite desnatado é indicado para a alimentação diária para hipertensos.

6 – Iogurte natural

O iogurte para substituir o leite desnatado para quem não gosta de beber leite.

É indicado consumir iogurte com baixo teor de gordura ou zero gordura com pouca gordura.

O iogurte apresenta cálcio e fonte de magnésio e potássio, que auxiliam a dieta para hipertensão.

7 – Aveia

Reduzir a pressão alta - Aveia

Rica em fibras, a aveia apresenta com baixo teor de gordura e pouco sódio em sua composição.

Pode ser consumida no café da manhã ou no lanche da tarde.

8 – Banana

A fruta é rica em potássio, ajuda na eliminação do excesso de sódio do organismo. Fonte de nutrientes.

9 – Kiwi

Mais uma fruta que ajuda a reduzir a pressão alta, o kiwi possui 2% do teor de cálcio, 7% da quantia de magnésio.

E 9% da quantidade de potássio que o organismo humano precisa consumir na alimentação diária.

Pode ser ingerido em saladas de frutas junto com outras frutas. 

Estas, também reduzem a pressão alta como a banana, a amora, o morango e a framboesa.

10 – Alho

Reduzir a pressão alta - Alho

Muitas pessoas têm o hábito de temperar os alimentos com muito sal e óleo. O indicado é substituir o excesso de sal pelo alho.

O alho é um ótimo tempero que oferece benefícios para a saúde.

O alho ajuda a diminuir a pressão alta e é de fácil ingestão no organismo.

Possui nutrientes que fortalecem o sangue e evitam a inflamação.

rumo ao centenario

Indicação dos alimentos

Os alimentos devem ser ingeridos de modo equilibrado e com a orientação de um médico e de um nutricionista.

Muitas pessoas, por exemplo, não gostam de beber leite e de comer comidas temperadas com alho.

Para cada paciente é importante adaptar e equilibrar cada tipo de alimento

Existem pessoas que adicionam o alho no tempero.

Mas gratinam o alho em alta quantidade de óleo tornando o refogado e o tempero gordurosos demais.

Ou seja, não adianta adicionar um alimento que combate a pressão alta dentro de um cardápio que possui muito sal, gordura e excesso de açúcar.

Além de conhecer alguns dos melhores alimentos para pressão alta é importante consultar o médico sobre cada alimentos que se pode comer e como organizar a dieta.

Portanto, a hipertensão não tem cura, mas pode e deve ser controlada com mudanças hábitos, alimentos saudáveis e orientação médica.

A hipertensão pode ter diferentes causas como fator genético, excesso de peso, sedentarismo, alcoolismo, estresse e o fumo.

A alimentação equilibrada no dia a dia favorece em vários aspectos.

Beneficia o funcionamento do organismo como um todo e melhorando o ritmo dos vasos sanguíneos e da musculatura do coração.

Para reduzir  a pressão alta, seja saudável

Conforme mostramos, ter uma pressão alta equilibrada é possível. No entanto, é necessário ter esforço e dedicação. Você sabia que pode fazer compostagem caseira de um modo bem prático?

Peça ajuda de seu nutricionista e mantenha um cardápio saudável, de acordo com suas necessidades imunológicas, se não consegue montar um cardápio sozinho(a), procure um nutricionista.

Espero que tenha gostado desse artigo.

Um abraço, João Vasconcelos.

50 receitas para emagrecer de vez de Rodrigo Polesso

 

Descubra Como Cultivar Plantas de Forma Orgânica e Diversificar Sua Alimentação Com Produtos Saudáveis Sem Agrotóxicos

O melhor e mais completo treinamento online do Brasil para aprender a cultivar, domesticar e se beneficiar de Hortaliças orgânicas, Plantas Medicinais e Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC), mesmo em pequenos espaços urbanos.

Plantando Saúde é um treinamento para se praticar Horticultura com um foco em promover saúde e qualidade de vida, cultivando vegetais orgânicos e praticando Paisagismo Produtivo em pequenos espaços.

o curso Plantando Saúde

Trabalharemos os fundamentos científicos da Agroecologia de forma simplificada e objetiva, demonstrando técnicas que você pode replicar na sua própria casa. As videoaulas acompanham artigos científicos e materiais de apoio.

O curso é inteiramente online através de videoaulas e matérias digitais, você pode acompanha-lo no seu desktop, tablet ou smartphone.

Nenhum item físico será enviado para o seu endereço.

fruta do milagre

  • Solos e Formação de Matéria Orgânica
  • Fundamentos em Botânica
  • Fisiologia e nutrição vegetal
  • Princípios de Cultivo Ecológico
  • Introdução ao Projeto Paisagístico
  • Preparo e Manutenção de Jardins Criativos
  • Receitas e usos de plantas
  • Identificação e Cultivo de PANC

o professor Camilo Pedrollo

Camilo Pedrollo
Sou biólogo, empreendedor com mestrado em Botânica no INPA em Manaus. Tenho experiência na área socioambiental tendo ministrado diversos cursos e treinamentos presenciais.“Minha missão é contribuir para preservar o meio ambiente, propagando práticas e conhecimentos que tragam melhorias na saúde e qualidade de vida das pessoas

Curso de Produção de Kombucha com Lucas Montanari

Kombucha

DESCRIÇÃO DO PRODUTO

Aprenda a cultivar artesanalmente em sua casa, de forma prática e saudável, a bebida gasosa probiótica mais consumida no mundo com um dos maiores especialistas e referência de probióticos naturais: Lucas Montanari do Com Ciência Saúde .

Além de refrigerantes e espumantes naturais que regulam o intestino trazendo mais saúde, desintoxicação e energia, esse curso te ensinará a fazer vinagres, mostardas, conservas, produtos de limpeza e até cosmética com esse maravilhoso elixir!

Receba conhecimentos únicos a respeito de saúde intestinal, os probióticos e os prebióticos, saiba como aumentar sua produção com tranquilidade, diversas dicas e muito mais.

curso de kombucha

Conteúdo Programático do Curso:

01 – Aula de Saúde Intestinal
02 – Prebióticos e Probióticos
03 – O que é Kombucha
04 – Ingredientes e Utensílios
05 – 1ª Fermentação
06 – 2ª Fermentação
07 – Fermentação Contínua e Scoby Hotel
08 – Vinagre Probiótico
09 – Aumentando a Escala de Produção
10 – Mostarda Probiótica
11 – Receita Bônus!

INCLUI:
– Vídeos-aula (qualidade Full HD)
– Apostila Digital (PDF para baixar)
– KombuQuiz para testar o conhecimento

* Contém 1h17min de vídeos em 11 módulos com acesso livre por 6 meses (180 dias) a partir da data de compra para assistir quantas vezes quiser!

curso de kombucha

VANTAGENS

Um curso completo de produção artesanal de um elixir da saúde probiótico, capaz de ampliar o nível de saúde de quem consome. Diversas pesquisas estão comprovando que doenças como obesidade, diabetes, câncer, doenças autoimunes, depressão e muitas outras estão ligadas saúde intestinal, comprovando a frase de Hipócrates, pai da medicina ocidental: “Toda doença começa no intestino”.

Uma garrafa de 330ml de kombucha custa em média 15,00 nos comércios. Por esse preço a pessoa pode ser capaz de produzir dezenas de garrafas em casa, economizando muito aos consumidores e também sendo uma ótima oportunidade para quem quer ter uma fonte de renda extra ou até principal, sendo a bebida probiótica que mais cresce em venda nos mercados internacionais e nacional nos últimos anos!

(Visited 39 times, 1 visits today)

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *